Cultura sneaker, geek, moda masculina e inovação

 

Billabong lança a primeira loja inteligente da América Latina

4
Posted 10/08/2011 by Eduardo Sena in Editorial

Imagine uma loja onde o vendedor realmente só chega em você pra ajudar com ótimas dicas. Essa parece uma das muitas vantagens da primeira loja inteligente e 100% interativa da América Latina, que a Billabong acaba de lançar em São Paulo.

O novo e pioneiro modelo de varejo da Billabong foi apresentado dia 9 de agosto, no shopping Iguatemi Alphaville. A loja usa tecnologia 100% Radio Frequency Identification (RFID), que utiliza ondas eletromagnéticas para transmitir dados armazenados em um microchip localizado na etiquetas das peças, o que dá um toque de interatividade, funcionalidade e modernidade ao varejo.

Através deste microchip, que é conectado a TVs e iPads dentro da loja, o cliente tem acesso a todos os detalhes dos produtos antes de decidir uma compra, seja dentro dos provadores ou através de expelhos expositores inteligentes.

Estes espelhos acionam o vendedor via SMS, mostram opções de peças para combinar, lookbooks e vídeos de acordo com o produto. Eles também calculam o valor da compra, permitem fazer um auto-retrato com opção de envio da foto para e-mail e redes sociais, entre outros serviços. Se preferir, o cliente também pode fazer um self checkout ali mesmo, finalizando sua compra.

A loja inteligente da Billabong é a primeira desse tipo na América Latina e certamente traz mais autonomia e tranquilidade pra quem compra. Além de, claro, afastar os vendedores chatos que ficam no seu pé em certas lojas. Sucesso! Em breve vou fazer um teste.

Via EstiloTenis


About the Author

Eduardo Sena

Redator, editor do site VAI NA MINHA e autor do livro de crônicas "Hora do gole, aquela pausa entre umas e outras". Escreve em blogs desde 2004, quando criou o blog de humor Deixa no Gelo, depois o site Hora do Gole. Foi um dos criadores e editores da Revista ESTILOTENIS e colunista de geek lifestyle no Nós Geeks e de futebol no Canetada.

4 Comments


  1.  
    Affonso Alves

    Ja imaginou quantas pessoas que dependem do seu trabalho, serao demitidas? ja pensou no tamanho do desemprego se derrepende as coisas ficarem automaticas? nao concordo com isso




  2.  
    Filipe

    Se quiser se livrar do vendedor chato use o Mercado Livre, se não tem paciência pra interagir com alguém que quer te ajudar na hora da compra não pise no shopping!




  3.  
    Oswaldo

    Concordo com o Affonso Alves, muita gente nova, sem experiência, vêem as lojas como uma porta para o mercado profissional. Talvez o autor, dentro de seu castelinho, protegido, não tenha essa consciência, e ache “chato” quando algum profissional que ganha entre 600 e 1000 reais por mês tenta lhe atender. Revise seus conceitos e saia desse seu mundinho egoísta.




  4.  
    Jishaio

    ISso nao muda nada nimguem em sâ conciencia trocaria um bom vendedor por uma maquina pois o bom vendedor traz muito mais que uma pequena maquina





Deixe uma resposta


UA-448551-5